#Bye bye olheiras! – parte I

Não sei você meninas, mas um mal que me assola a muito tempo – na verdade, desde que nasci – são as olheiras. E se você sofre com esse problema também, leia este post com muita tenção, por que será de seu interesse.

Mas afinal, o que são olheiras?

As olheiras são marcas profundas e de cores mais arroxeadas que se formam ao redor dos olhos.  A pele nessa região fica arroxeada quando o tecido está muito fino e transparente, permitindo que se vejam os vasos sangüíneos.

Com esses vasos dilatados, ocorre uma espécie de inchaço local pela saída de glóbulos vermelhos do interior deles para a derme. Esses glóbulos sofrem uma transformação química, formando um depósito de pigmentos férricos que tornam a região mais escura.

Uma segunda possibilidade para o aparecimento de olheiras é a de alta concentração de melanina na região ao redor dos olhos.

Quais as causas das olheiras?

  • Hereditariedade
  • Estados debilitados de saúde
  • Idade (a partir dos 25 anos)
  • Dietas muito severas
  • Exposição ao sol
  • Cansaço físico
  • Poucas horas de sono
  • Falta de cuidados com a área dos olhos
  • Pele branquinha e fina
  • Estresse físico ou emocional

 

Existe tratamento para as olheiras?

Sim, existem tratamentos, e agora vou citar alguns deles:

Laser

O laser é um tratamento muito eficaz e recomendado por dermatologistas. O tratamento consiste na aplicação local de laser de luz pulsada, cuja missão é clarear a pele e diminuir os vasos sangüíneos. O aparelho também estimula o aumento d o teor de colágeno da pele. A região da pálpebra ganha em vigor e elasticidade, a flacidez diminui e, por conseqüência, também contribui muito para melhorar o aspecto geral do rosto.

Drenagem Linfática

A drenagem linfática é boa para diminuir a retenção de líquidos

Cosméticos

Existem produtos específicos para tratar de olheiras, que atuam especificamente na região dos olhos. Para essa região — que tem uma vascularização delicada — os componentes indicados são: Vitamina K-1, bioflavonóides, vitamina C e retinol. Esses princípios ativos aumentam o tônus venoso e com isso diminuem a dilatação, uma vez que atuam na micro-circulação sanguínea.

Peeling

Os ácidos promovem uma esfoliação suave da região com clareamento. Entretanto, esse tipo de tratamento é restrito, e depende da avaliação criteriosa de um médico para evitar manchas permanentes ou quaisquer outras complicações.

Agora, se você não está muito afim de gastar horrores com esses tratamentos, temos também algumas dicas caseiras para diminuir elas.

  • Compressas de chá de camomila gelado são eficientes para as olheiras roxas, causadas pela dilatação dos vasos. A camomila acalma a região e o fato de o chá ser gelado contrai os vasos. Arnica e bardana podem substituir a camomila.

 

  • Para atenuar olheiras devido a noites mal dormidas, rale uma batata no ralador de queijo, encharque dois chumaços de algodão com a pasta de batatas e coloque sobre os olhos por dez minutos. A seguir lave a região.

 

  • Ferva durante 10 minutos um punhado de flores de limeira com aproximadamente 250 ml de água limpa, deixe esfriar e coe as flores de limeira. Depois é só colocar sobre as pálpebras, utilizando um algodão.

 

  • Coloque 100 g de chá verde em 500 ml de água fervente. Abafe por cinco minutos. Espere esfriar e, depois, guarde na geladeira. Embeba dois algodões e coloque-os sobre os olhos. Deixe agir por 15 minutos.

Gostaram das dicas? Aguardem que teremos mais! Beijos mil.

Anúncios

Um pensamento sobre “#Bye bye olheiras! – parte I

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s